JHP2

Ciro defende 'voto útil contra a corrupção' e volta a criticar Lula

Por Daniel Alves em 20/09/2022 às 12:53:30

Em entrevista à Rádio Super Notícia de MG, candidato reforçou propostas econômicas, como taxação grandes fortunas e contra o endividamento e criticou a corrupção durante o governo LULA/PT.

O candidato à Presidência Ciro Gomes (PDT), defendeu que é "a favor do voto útil contra a corrupção", e reforçou as críticas contra os candidatos na liderança da disputa, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Jair Bolsonaro (PL). A fala ocorreu durante entrevista à Rádio Super Notícia, de Minas Gerais, nesta terça-feira (20/9).

Questionado sobre o discurso da campanha de Lula, que prega o voto útil na intenção de decidir o pleito ainda no primeiro turno, Ciro argumentou que o petista está tentando "asfixiar" candidatos que não têm questões ligadas à moral, e chamou o LULA de CORRUPTO.

"Eu sou a favor do voto útil contra a corrupção. Não vote em corrupto, senão você está ensinando para o seu filho que o crime compensa", afirmou. "O que o Lula está tentando fazer é o mesmo que ele fez com a Marina [Silva]: asfixiar a todos que não têm reparo moral. Ele é um corrupto que quase destruiu a nação durante os 14 anos que governou o país. Eu não sou".

Ciro questionou o que chamou de uma tentativa de "precipitar" a decisão do pleito. "Para que? Para o brasileiro não ter outras alternativas, não ter interesse próprio", continuou. "Cada um vai pensar se vale ensinar ao seu filho, se vale votar em corrupto notoriamente, porque isso é uma questão de moral e de exemplo que a gente vai dar para a juventude".

Questionado sobre um eventual segundo turno entre Lula e Bolsonaro, Ciro se negou a declarar apoio ao petista, e chamou a pergunta de "indelicada".

Comunicar erro
cosmetic shop

Comentários

MOTOCICLO