JHP2

Policiais são presos por morte de adolescente baleado por engano durante abordagem

Por Daniel Alves em 03/04/2024 às 05:45:31

Policiais não socorreram adolescente de 15 anos que morreu após ser baleado por agente.

Pedro Kauã Moreira Ferraz, de 15 anos, morreu em novembro de 2023 após ser atingido por um tiro disparado por um militar.

Quatro policiais militares foram presos investigados pela morte de um adolescente de 15 anos em São Gonçalo do Amarante, na região metropolitana de Fortaleza. Os agentes foram capturados nesta terça-feira (2). O jovem Pedro Kauã Moreira Ferraz, de 15 anos, morreu após ser baleado por engano durante uma operação da Polícia Militar. A morte aconteceu em novembro de 2023.

O inquérito policial indica que um dos militares investigados pode ter sido respons√°vel pelo disparo fatal, que atingiu o jovem. O crime continua sob investigação. Uma câmera de segurança flagrou o momento em que policiais negaram socorro ao adolescente.

No vídeo, Pedro j√° aparece ferido, sendo amparado pelos parentes, que pedem ajuda aos policiais que estavam no quintal da propriedade. Os agentes olham para o jovem baleado, mas não atendem aos pedidos de socorro e deixam o local.

A Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenci√°rio (CGD) informou que os mandados foram expedidos pelo 4¬ļ Núcleo Regional de Custódia e Inquéritos Policiais da Comarca de Caucaia. A CGD também est√° apurando a ocorr√™ncia na seara disciplinar.

Negação de socorro


O adolescente só foi socorrido momentos depois, pelos próprios parentes, que o levaram ao Hospital de São Gonçalo do Amarante, com um tiro nas costas. A bala perfurou o pulmão e o adolescente não resistiu aos ferimentos.
"Eles [policiais] ficaram tão desorientados que eles mesmo saíram. Eu disse: "socorram meu filho, socorram meu filho". Eu gritando para eles socorrerem meu filho e eles não socorreram. Meu cunhado que pegou a chave do carro e levou meu filho para o hospital", relatou Euzanira Moreira, mãe de Pedro Kauã.
Comunicar erro
cosmetic shop

Coment√°rios

JHP